ESQUECI MINHA SENHA >
Sincodiv
ÍNDICE SINCODIV-SP ONLINE
Seção Reportagem
25/09/2015 - 14:49:15
Vice-presidente da Hyundai diz que marcas e concessionários devem melhorar a experiência do cliente
Por Matheus Medeiros e Renan De Simone
Divulgação / Fenabrave Won-Hong Cho, diretor vice-presidente da Hyundai

Won-Hong Cho, diretor vice-presidente da Hyundai, acredita que “hoje os consumidores de automóveis procuram, cada vez mais, benefícios e novas experiências por trás dos produtos”, o que mostra uma evolução em comparação ao passado, quando os carros eram considerados pelos usuários como um ‘simples’ meio de transporte.

O executivo esteve na cidade de São Paulo para ministrar a palestra magna de abertura do 25º Congresso da Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores), realizado recentemente.

No evento, Cho também falou sobre os próximos passos do mercado. “Num futuro próximo, os carros serão grandes parceiros de vida das pessoas. Tecnologias dos carros e casas existirão em perfeita harmonia, a partir de espaços interativos. Por isso, será preciso envolver o consumidor emocionalmente, mas sem se esquecer da qualidade do produto, que é o conceito principal do mercado automotivo, desde quando ele surgiu”, destacou.

Segundo ele, as marcas e os concessionários devem trabalhar para melhorar experiência do cliente. “As empresas que trabalham com veículos precisam inovar quando se trata de experiência, tanto online, quanto offline”.

Essa inovação tem a ver com o relacionamento. “As pessoas cobram mais interatividade entre marca e cliente em todos os ambientes – como nas redes sociais, por exemplo – para construir um relacionamento em longo prazo. É dever das montadoras e concessionárias aproveitar essa necessidade de relacionamento para fidelizar os consumidores”.

A revolução da internet nas vendas de carros

Outro tema abordado por Cho durante foi o papel da internet nas vendas de automóveis. “Há alguns anos, os clientes visitavam, em média, cinco concessionárias antes de fechar a compra do carro. Hoje, esse número caiu para praticamente uma única loja, já que a pesquisa prévia é feita na internet, o que faz com que as pessoas cheguem às marcas com muito mais informação”.

Para o executivo da Hyundai, esse fato mudou o processo de vendas de carros, uma vez que diminuiu as chances de vendedores conquistarem o comprador. “Dessa forma, as marcas precisam ser, cada vez mais, ativas e provocativas na relação com os clientes. Ser defensivo e protecionista não é a resposta certa”, pontuou.

 

Produção e edição

 

COMENTÁRIOS:

Nenhum comentário cadastrado.