ESQUECI MINHA SENHA >
Sincodiv
ÍNDICE SINCODIV-SP ONLINE
Seção Reportagem
23/08/2016 - 09:29:19
Congresso Fenabrave: executivos do Google e Facebook debatem relevância de vendas online para o setor
Por Matheus Medeiros e Renan De Simone
Divulgação / Fenabrave Paulo Cesar Itabaiana, gerente de Negócios do Facebook

O mundo é cada vez mais digital e as concessionárias precisam estar online para vender mais e melhor. Para debater o assunto, o Congresso Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores) – realizado na cidade de São Paulo entre 16 e 17 de agosto – contou com palestras realizadas por Adriano Nasser, chefe do Canal de Vendas do Google no Brasil, e Paulo Cesar Itabaiana, gerente de Negócios do Facebook.

Os dados do potencial de comunicação com clientes no meio digital são expressivos. Segundo Itabaiana, 108 milhões de brasileiros hoje possuem cadastro na rede social, sendo que 99 milhões usam a ferramenta pelo celular e 76 mi a acessam diariamente.

“O potencial de alcance das redes sociais atualmente é imenso. Os brasileiros, em média, acessam o celular mais de 110 vezes por dia. É dentro desse contexto que as empresas precisam trabalhar seus anúncios, buscando impactar os potenciais clientes”, pontua o executivo.

Uma prova de que o comportamento do consumidor vem se transformando está relacionada aos fatores que influenciam o interesse de um comprador quando da aquisição de um veículo. De acordo com pesquisa da McKinsey Brasil, divulgada por Nasser, 86% deles são influenciados por sites de busca, 67% por vídeos e 49% pelos sites de montadoras. As visitas às concessionárias e anúncios de TV, por outro lado, influenciam, respectivamente, 56% e 30% o interesse dos potenciais clientes.

“Trabalhar online, atualmente, é essencial para qualquer empresa. É pelo meio digital que a audiência decide comprar e as pesquisas já mostram a correlação entre o aumento das buscas de um determinado modelo com o crescimento de seus emplacamentos”, enfatiza Nasser.

Etapas da venda

Um dos motivos pelos quais a presença e o bom trabalho digital das concessionárias se tornam ainda mais importantes está relacionado com o fato de que os consumidores vêm adiantando etapas da venda por meio da internet.

“Todo vendedor de carro já percebeu que os clientes chegam às lojas com a pesquisa sobre os veículos pronta. Tanto que o número de visitas às concessionárias antes do fechamento de uma compra caiu de 4,0 para 2,6 entre 2013 e 2016, sendo que nos Estados Unidos esse número já está em 1,6”, explica o executivo do Google, destacando a importância da indústria ir até onde o consumidor está, ou seja, na internet.

Relevância e segmentação

O grande desafio de trabalhar com anúncios em redes sociais e ferramentas de busca é a relevância. “Na internet, tudo compete com tudo. As empresas precisam trabalhar para que seus anúncios sejam relevantes no meio de coisas como as fotos de uma sobrinha e as histórias dos amigos”, discorre Itabaiana.

Para ele, existem dois importantes passos a se tomar para isso. O executivo destaca que, primeiramente, é essencial produzir conteúdos criativos, originais e profissionais, além de trabalhar com segmentação, estudando e definindo o público-alvo de cada ação, o que a torna muito mais relevante.

Nasser sinaliza também para a mensuração das ações realizadas online, destacando que essa é a grande vantagem de trabalhar digitalmente. “Deve-se analisar cada movimento feito na internet para identificar o que está funcionando e o que pode melhorar. Por isso é tão importante ter uma equipe qualificada dedicada a esse trabalho, seja própria ou de alguma prestadora de serviço”.

Vídeos e imagens

Outro ponto abordado pelos especialistas foi a importância dos vídeos e fotos no trabalho de publicidade online. De acordo com dados do Facebook, atualmente, 20% do tempo gasto na ferramenta é utilizado com a visualização de vídeos, o que gera uma série de oportunidades para os concessionários.

Segundo Nasser, para os conteúdos automotivos a relevância dos vídeos é ainda maior, já que no primeiro semestre de 2015 (último dado disponível), foram consumidas 79 milhões de horas de vídeos sobre carros no Youtube, no Brasil.

 

Produção e edição