ESQUECI MINHA SENHA >
Sincodiv
ÍNDICE SINCODIV-SP ONLINE
Seção Entrevista
30/08/2018 - 09:21:10
Bate-papo com Douglas Heizer, presidente do Boca Raton FC - PARTE II
Por Matheus Medeiros e Juliana de Moraes
Divulgação

Sincodiv-SP Online: Como ? o mercado do futebol nos EUA? Qual ? a rela??o do norte-americano com o futebol?

Douglas Heizer: A primeira coisa que percebi quando come?amos a estudar o mercado de futebol nos EUA foi que n?o sabemos nada sobre como ? feito o futebol aqui ? ? completamente diferente do que estamos acostumados.

Por exemplo, aqui as pessoas gostam mais do esporte em si do que o pr?prio time que torce. A forma??o dos atletas tamb?m ? completamente diferente, j? que os jogadores n?o recebem para jogar nas primeiras etapas da carreira (como acontece nas categorias de base no Brasil, por exemplo).

Eles, na verdade, pagam para jogar e se desenvolver, nas academias de alta-performance dos clubes. Mas isso existe porque os times n?o t?m os direitos federativos dos atletas que est?o na base, o que ? pr?tica comum no mundo inteiro.

O EUA, atualmente, briga com a China para ser o pa?s com maior n?mero de crian?as frequentando escolinhas de futebol. J? temos muitas pessoas praticando futebol aqui e um n?mero consider?vel de f?s.

Na minha opini?o, a grande quest?o para a n?o populariza??o do esporte ? que h? uma s?rie de problemas na "transi??o" entre o high school (ensino m?dio) e o college (faculdade) que faz com que v?rios potenciais jogadores profissionais saiam do esporte, n?o gerando continuidade. E isso acontece por uma quest?o cultural, de popularidade do futebol, que vem crescendo muito, mas ainda segue bem atr?s de outros esportes.

Mesmo assim, os n?meros s?o animadores. A MLS (Major League Soccer, o principal campeonato do pa?s) teve m?dia de mais de 22 mil torcedores pagantes por jogo na ?ltima temporada, um dos maiores n?meros do mundo e consideravelmente maior do que no Brasil, que teve m?dia de, aproximadamente, 16 mil torcedores por jogo na ?ltima temporada da S?rie A.

Sincodiv-SP Online: Qual ? a estrutura atual do Boca Raton FC?

Douglas Heizer: O Boca Raton FC disputa, atualmente, a NPSL (National Premier Soccer League), a maior liga semiprofissional dos Estados Unidos, que re?ne cerca de 100 times. Seria o equivalente a quarta divis?o do pa?s. No entanto, ? importante fazer uma ressalva: aqui, os clubes participam de ligas, n?o disputam campeonato ? ent?o, n?o existe rebaixamento ou acesso, por exemplo.

A liga ? semiprofissional porque os clubes comp?em os elencos com jogadores universit?rios, das academias de forma??o e profissionais. No entanto, apesar de n?o considerada profissional, na liga h? seguro e registro para todos os jogadores, por exemplo.

Al?m disso, tamb?m disputamos a APSL (American Premier Soccer League), que ? uma liga regional, disputada apenas por clubes do estado. E tamb?m jogamos a GCSL (Gold Coast Soccer League), que ? apenas municipal.

Temos cerca de 45 jogadores no nosso plantel, que s?o divididos entre o time principal e o secund?rio. Tamb?m estamos come?ando a desenvolver um time de futebol feminino, que vai funcionar a partir do mesmo modelo da equipe masculina.

Nossa academia de alta-performance de desenvolvimento de atletas ? do mais alto n?vel, do mesmo padr?o das equipes profissionais brasileiras. Ela recebe jogadores a partir de 17 anos e ? focada na finaliza??o do desenvolvimento dos jogadores. Temos departamentos de fisioterapia, nutri??o, medicina, fisiologia, etc. Nosso fisiologista, por exemplo, ? o Dr. Tur?bio, que trabalhou muitos anos no S?o Paulo Futebol Clube.

Tamb?m trabalhamos, a partir deste ano, com o licenciamento de escolinhas de futebol do Boca Raton FC, que s?o voltadas a jogadores ainda no est?gio inicial do desenvolvimento.

A ideia ? formar uma pir?mide, em que a academia de alta-performance selecione os melhores jovens das diversas escolinhas de futebol, lapide seus talentos e eles possam, depois de alguns anos, jogarem em nosso time, primeiramente no secund?rio, posteriormente, no principal.

Al?m disso, desenvolvemos em parceria com o Amoroso, ex-jogador da Sele??o Brasileira, o camp Boca Raton FC no Brasil, em que desenvolvemos jovens jogadores durante um acampamento intensivo de treinamentos por uma semana.

Sincodiv-SP Online: Quais s?o os planos do clube para o futuro ? tanto no curto quanto no longo prazo? A MLS j? pode ser considerada um sucesso comercial, qual patamar o time pretende alcan?ar?

Douglas Heizer: O Boca Raton FC, nos dois ?ltimos anos, ficou entre as 20 maiores m?dias de p?blico do futebol semiprofissional nos Estados Unidos. Mesmo assim, ainda ? um p?blico que pode ser considerado "pequeno", de cerca de mil pessoas por jogo. Para esse ano, nossa expectativa ? chegar perto de duas mil pessoas. Isso exige que nosso modelo de neg?cio seja diferente, j? que nossa principal renda n?o vem dos ingressos.

Nosso principal plano, dentro desse contexto, ? seguir sustent?vel, buscando um crescimento org?nico. O progresso do time vai depender de at? onde a nossa torcida quer que a gente v?.

N?o temos interesse nenhum em, por exemplo, comprar uma franquia na segunda divis?o sem termos condi??o para isso. H? a possibilidade e interesse de investidores, mas isso depende da demanda da torcida por mais e melhores jogos.

?

Edi??o e revis?o

 

COMENTÁRIOS:

Nenhum comentário cadastrado.